Por: DARUKIAN, O Ceifador de Orgasmos e sua Primeira Puta das Artes Sacroprofanas, Emonditte. Seres sem rosto nem forma, que tem como único propósito te fazer gozar muito (a vida).

Seguidores dos instintos

18 de dezembro de 2011

Mistérios de Darukian - XXVIII



Se perdeu o começo da putaria, clique aqui


XXVIII



Em minhas pesquisas, surgiu uma dúvida interessante, e achei uma provável resposta neste relato.

“Investigação Sacroprofana”

A pergunta é: por que as garotas atacadas pelo Darukian não se assustam nem o rejeitam?

“Quem sou eu? Isso não importa, nem será revelado. Já corro risco demais ao pensar em revelar o que tentarei escrever aqui. É perigoso se meter com as forças das trevas. Correntes que não se desatam tão facilmente.

Existe uma criatura muito poderosa nas trevas, conhecida nas sombras por Darukian. Dizem que vaga por aí em várias formas e forma nenhuma e escolhe “presas” para alimentar a sua deusa ceifando orgasmos em troca de desejos.

Eu queria entender como isso funcionava, as histórias sobre o ceifador de orgasmos me deixavam sempre inquieta. Mas... Como encontrar ou vigiar de perto um tipo desses? Só havia um jeito. E eu iria testá-lo, mesmo que custasse minha alma [ou meu rabo].

Pesquisei muito sobre as artes sacroprofanas. Primeiro, sozinha. Depois, em um convento. Passei por muitas situações difíceis e provas duras (ai, como eram duras...duríssimas) para descobrir uma coisa. Mas não descobri isso nas minhas investigações.

Um contato. Um contato direto. Eu procurava por ele, e ele acabou me encontrando. Eu estava nua no meu quarto, imersa em pensamentos, teorias, investigações e papéis, quando ele apareceu num dos cantos do quarto.

Ainda não entendo muitas coisas daquilo. Parecia fumaça e foi tomando a forma do homem perfeito. Mas eu estava nua, por que não gritei por uma criatura esquisita estar invadindo meu quarto daquele jeito? A resposta tem um nome: foice.

A foice do Darukian é um mistério por si só. Alguma coisa nela me parou. Não tive vontade de gritar. Nem de fazer mais nada além de admirar aquela foice. E subindo o olhar, os olhos. Naquele dia eu quis ter aqueles olhos. Diz ele que quase consegui depois de algum tempo. Claro, não deixei ter algo naquela noite.

Acho que não posso contar o que obtive, mas vocês devem imaginar. Talvez, se imaginarem muito, vocês consigam descobrir. Se algum de vocês resolver investigar o Darukian, desejo-lhe muita sorte. O trabalho é muito maior e mais duro que se imagina”

Engoli em seco com a última parte, mas esclarece alguma coisa, e obscurece muitas. Quem foi que investigou o Darukian, e o que realmente aconteceu? Só consegui descobrir depois de ter uma prévia do problema com a succubus. E investigar muito os mistérios de Darukian.

DARUKIAN, O CEIFADOR DE ORGASMOS

Um comentário:

  1. Uia! Quem será que foi essa pesquisadora tão corajosa???

    Beijos borboleputos!

    ResponderExcluir

Agradeço por ter lido, mas há outra coisinha que quero que você faça. Responda: Gostou? Gozou? Então caia de boca na minha...caixa de comentários e libere tudo que quiser jorrar, com muita indecência!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...